Monday, 17 September 2007

Afinal...Virgem!


Virgem
Meticulosos, perfeccionistas e inteligentes
Arrumação, organização e limpeza são aptidões naturais dos Virgens, desde pequenos até à idade adulta. Se tem um filho deste signo ou se conhece alguma criança nascida em Setembro, observe- a com atenção e ficará surpreendido com a sua capacidade de organização. Pode ficar horas seguidas a abrir e a fechar as gavetas dos armários, arrumando meticulosamente brinquedos, livros, canetas, lápis de cor e tudo o resto que lhe pertence, com etiquetas e marcas, cada coisa no seu lugar, e ai de quem se atrever a mexer nelas. Agrada-lhe a ideia de deixar o caminho marcado com pedrinhas brancas para poder voltar a casa sem se perder, porque gosta de ordem, de segurança e de caminhos claramente traçados. Na verdade, a sua paixão pela ordem e pelos rituais pode levá-lo a uma certa obsessão e a ficar preso em labirintos mentais demasiado rígidos, ou seja, quando se lhe mete uma coisa na cabeça, simplesmente não consegue deixar de pensar nela. As crianças Virgem são de uma persistência à prova de qualquer «paciência de mãe». Outra das suas particularidades é sua extrema sensibilidade às críticas que conduz, inevitavelmente, a um perfeccionismo compulsivo. Esta situação acarreta uma certa contradição interior: se, por um lado, não desistem de realizar um desejo ou conseguir um determinado objectivo como acima se refere, por outro, o seu excesso de perfeccionismo incute-lhes o pânico de falhar, de não serem tão bons com os outros meninos e muitas vezes desistem de «entrar na corrida» por medo de perder. Timidez, reserva e nervosismo, mais três características típicas do signo da Virgem. A angústia da impossibilidade de ultrapassar um problema enche-os de nervos, o medo do que os outros poderão pensar dessa derrota torna-os tímidos e reservados. No entanto, saiba que o facto de serem meticulosos e de se mexerem à vontade no mundo lógica e da racionalidade, promete-lhes um futuro assegurado como bons profissionais, hiper-responsáveis e cumpridores, dignos da maior confiança. São, acima de tudo, espíritos práticos, cuidadosos e honestos. Saiba, finalmente, que, quando o seu filho falar, é conveniente ouvi-lo com atenção. Essa criança tem um verdadeiro tesouro de sabedoria dentro dela, muito superior à sua pouca experiência.Se tem um filho Virgem:
Oriente e apoie o seu filho, criticando-o o menos possível. A sua extrema sensibilidade às críticas pode marcá-lo, tornando-o inseguro. Se ele sofrer do complexo de «não ser capaz», por medo de não «fazer bem feito», ajude-o a ultrapassar esse sonho de perfeição. Faça-lhe perceber a relatividade das coisas, desmistifique a importância de ganhar e diga-lhe que o importante é conceber, criar ou «fazer», pelo prazer que isso implica.
Leve-o a passear ao ar livre sempre que possível, pratique desportos em família, de forma a aumentar a sua auto-confiança e a desenvolver o seu gosto pelos espaços abertos e pela actividade física. É uma forma de o tirar de casa e das inúmeras tarefas demasiado perfeccionistas em que tem tendência a perder-se, esquecendo o outro lado da vida, mais participativo, mas interactivo, menos mental e, sobretudo, mais relaxado. Como em tudo na vida, o equilíbrio é necessário.
Para o ajudar a ultrapassar a sua timidez e o seu retraimento, deve promover encontros com outras crianças. Será uma boa experiência aprender a partilhar, a brincar e a rir descontraidamente das situações, e a tomar o gosto pelas relações próximas e calorosas. Compre-lhe um cão ou um pássaro para que aprenda lições de amor de forma serena e tranquila.
Sempre que haja oportunidade, leve o seu filho ou filha do signo da Virgem a brincar no campo ou no bosque, perto de um rio ou de um lago para que enterre as mãos na terra, na lama, na água, para que brinque com paus, pedras e ramos de árvores, e assim sentir o prazer de sujar mãos, do contacto da terra a entrar pelas sandálias dentro, de encher de lama a cara e a roupa, esquecendo a preocupação contínua de limpeza e higiene que o aflige. O mesmo sucederá se o levar a fazer bonecos de barro e pintar grandes quadros com as mãos cheias de tinta. Estes contactos físicos com diferentes materiais são muito saudáveis sob todos os pontos de vista.
revista Pais e Filhos

No comments: